9.1.07

Cicarelli x YouTube

O mesmo desembargador que havia decretado a censura ao site YouTube voltou atrás na bestial (entendam como quiserem) decisão.
Até as paredes dos tribunais sabem que essa decisão é difícil de ser implementada, só mesmo a China para obter relativo sucesso nessa empreitada.
Tentando ser didático: uma modelo e um playboy trepam em público, numa belíssima praia espanhola, um camarada que lá estava com uma câmera na mão filma tudo e divulga na Internet.
Sentindo-se lesada a modelo brasileira recorre ao judiciário, não contra o camarada que filmou o ato em si, mas contra os sites que deram guarida ao, digamos, filme.
Interessante que não foi a dita cuja procurar a matriz das empresas (EUA, por exemplo), ou em busca de todos aqueles que tenham publicado o “filme”. Não! Ela foi apenas para cima (no sentido figurado) dos sites mais famosos e somente no Brasil! O IG e o Globo.com cuidaram de retirar o vídeo de imediato, mas o YouTube tira num dia e ele é postado no outro novamente.
Vejam a matéria da BBCBrasil sobre o tema clicando aqui.
Na edição digital do El País (Espanha) aparece a seguinte nota:
Sigue coleando el caso de Cicarelli contra YouTube. La semana pasada informábamos de que una juez brasileña había ordenado al popular -e internacional- sitio de vídeos que retirase todas las copias de una secuencia que mostraba a Daniela Cicarelli -modelo y ex de Ronaldo- haciendo el amor con su novio, un tal Renato Malzoni a plena luz del día en una playa española (sin que se mostrasen, por cierto, excesivamente preocupados por las decenas de personas presentes en el lugar). Poco parece haber importado al órgano judicial el hecho de que ese mismo vídeo se hubiese visto, desde hace ya meses, en cadenas de televisión de todo el mundo. Junto al mandato a la empresa, la juez emitió una orden a las telecos brasileñas para que bloqueasen el acceso a YouTube mientras ésta no retire los videos. Y las operadoras comenzaron a hacerlo ayer lunes (Telefónica entre ellas). ¿Muerto el perro, se acabó la rabia? Pues claro que no. Porque mientras los internautas sigan queriendo ver la escena, miles de sitios la replicarán al margen de YouTube? y multiplicando el efecto que Cicarelli quiere combatir.
(http://www.elpais.com/articulo/internet/Cicarelli/marca/paso/telecos/brasilenas/elpeputec/20070109elpepunet_2/Tes)
Interessante nossa justiça!
As figuras vão à praia, trepam em público, alguém filma e mostra o filme. Isso é crime.
Agora chamar um preto/pobre de suposto bandido em horário nobre, pode! Mesmo que o suposto não tenha sido condenado ainda. Ou classificar um funcionário público de corrupto também pode, mesmo que o tal não tenha sido julgado e nada tenha sido provado contra ele.
Fosse o gerente do YouTube resolveria o problema: vídeo da suposta trepada...
Se o moço que fez o filme tivesse ganhando rios de dinheiro com essa obra-prima do pornô pobre até entenderia, mas o vídeo aparece de graça para quem desejar vê-lo.
Fosse eu o juiz do caso mandaria que o casal escolhesse lugar apropriado para manter a sua privacidade intacta e que fosse se catar! A justiça brasileira tem coisa mais séria com o que se preocupar, inclusive explicar a razão da rapidez e agilidade em determinados casos e a lerdeza com relação a outros.

4 comentários:

Meca disse...

Meu grande amigo Toni, o caso "Cica" da Silva mostra exatamente a cara do Brasil: a diferença de classes sociais e a forma de se tratar um problema pela sua conseqüência, e não por sua causa. Ora, quem trepa em público quer ser filmada ou será que ela não tem dinheiro para ir à uma ilha deserta??? O fato é. Todos metem e todos usam o you tube. Só um detalhe... Basta que UMA pessoa possua o vídeo para que o mundo inteiro o possua. Eu criarei um site de nome "Você se Entubou" ou seria " Vc foi entubada"? Sei lá... rsrsrs

Re disse...

Disseste tudo, Toni. Foi mesmo inacreditável a rapidez da justiça neste caso. Tem muito juiz e desembargador querendo aparecer na parada, não nos moldes da Cica, mas agindo de forma tão imoral quanto. Abraço, guri!

Herivelton Popó disse...

Foi criado um blog que defende um boicote geral à tal Cica. A tal moça, que já estava ficando bem impopular, parece ter afundado mais ainda... veja
http://www.boicoteacicarelli.blogspot.com/

Vinícius disse...

Bom texto.
VMP